quarta-feira, 4 de julho de 2007

Benfica é o Campeão Nacional: Taça Nacional feminina:


Num pavilhão cheio, Benfica e C.R. Golpilheira discutiram a taça nacional de futsal feminino. A equipa comandada por Vera Bettencourt, levou a melhor conseguindo a vitória por 5-2, para as encarnadas marcaram, Rita (2 vezes), Marisa, Sofia e Sónia, do lado do Golpilheira Maria Inês e Inês foram as autoras dos golos.

O Benfica revlidou o titulo de campeão, devido à mais-valia e experiência das suas atletas, com a particularidade de Catarina Cancels, Sílvia Valoroso, Marta Ramalho e Marisa Lima terem conquistado o 4º titulo nacional consecutivo, para a equipa da Batalha foi a sua estreia numa final da taça nacional Feminina.
Vera Bettencourt, Treinadora do Benfica referiu:
"Uma das coisas que mais gostei foi o facto de o pavilhão estar praticamente cheio, as pessoas da organização foram fabulosas e a equipa adversária foi fantástica. Em relação à parte desportiva vimos uma equipa que é superior à outra, o Benfica tentou sempre jogar para ganhar, em ataque continuo, ao passo que o Golpilheira apenas esporadicamente chegou à nossa baliza e sempre em contra ataque. Falhámos muitas oportunidades na primeira parte, mas na segunda mostrámos todas as armas que temos ao nosso alcance.

As jogadoras do Benfica têm de manter sempre a sua motivação em cada jogo e em cada treino. Para o ano podem esperar um Benfica cada vez mais competitivo, para ganhar todas as competições como a Taça Ibérica e a taça Intercontinental".

A fabulosa jogadora do Benfica Rita falou ao futsalfeminino.net dizendo:

"Foi uma final a uma mão o que é sempre mais motivante, foi uma vitória muito complicada e bastante valorizada pelo Golpilheira. Na primeira parte falhámos muitas oportunidades mas a vitoria acaba por ser justa. Relativamente à época foi um ano em cheio, vencemos quase todas as competições em que participámos, conseguimos vencer a primeira taça ibérica, só foi pena não termos conquistado a taça intercontinental, mas conseguimos um excelente 3º Lugar".

A treinadora Teresa Jordão do Golpilheira explicou:

"Eu tenho uma equipa com uma media de idades muito baixa, maioria das jogadoras são juniores, por isso deve andar a rondar os 16 anos. Fizemos 3 jogos em 7 dias de qualquer forma proporcionamos um excelente espectáculo, tentámos sempre marcar golos e não tivemos uma postura apenas defensiva. É muito bom jogar num pavilhão cheio, as jogadoras sentem muito esse calor humano e jogam com uma maior alegria.

Nós já não estranhamos estes ambientes, já na 3ª levámos muito gente a Chaves, enchendo por completo o pavilhão. É importante que as pessoas sintam que o Futsal Feminino já não é pontapé para a frente e que estas jogadoras têm muita qualidade".

Inês, jovem jogadora de 15 anos, expressou:

"Muito orgulho por fazer já aos 15 anos parte da final da taça de futsal feminino, o que conseguimos fazer esta época foi muito bonito e talvez com muito trabalho e empenho para o ano consigamos ser campeãs".

Fonte : futsalfeminino.net

1 comentário: